Chocólatras Online

um blog para quem adora chocolate
4

Madécasse: o chocolate premiado produzido em Madagascar

Quando eu comprei minha primeira barra de chocolate Madécasse não tinha ideia da história por trás dela. Esse é um chocolate muito bom que faz o bem.

A Madécasse é uma empresa americana que produz chocolates em Madagascar, na África. Foi fundada em 2006 pelos americanos Brett Beach e Tim McCollum (na foto abaixo) que se conheceram lá quando trabalharam como voluntários do Peace Corps, um programa do governo dos Estados Unidos de ajuda a outros países.

 

Madecasse -Tom McCollum e Brett Beach

Tom McCollum e Brett Beach

 

Eles perceberam que fazer chocolate com o cacau local e exportá-lo ao redor do mundo iria trazer significativamente mais dinheiro para a economia local do que simplesmente exportar os grãos de cacau crus. Segundo eles, mesmo que 70% do cacau do mundo seja cultivado na África, a produção de chocolate é rara.

A empresa investiu em treinamento e equipamentos para que as comunidades locais pudessem se desenvolver e produzir cacau e chocolate de qualidade superior. Assista ao vídeo de apresentação deles.

Comprei o Sea Salt & Nibs e o 70% de cacau e o chocolate é mesmo maravilhoso. Já recebeu prêmios como no Salon du Chocolat em Paris (2011), New York Chocolate Show (2009), San Francisco Chocolate Salon (2011) e Good Food Award (2012), além da empresa ter sido premiada também por seu modelo de negócio sustentável e inovador.

 

Madécasse

Eu encontrei o Madécasse no Whole Foods (na Flórida, Estados Unidos) mas é possível comprá-lo online também para entrega em território americano. Como você pode ver abaixo, infelizmente eles não entregam no Brasil. Também está disponível na Amazon americana e britânica.

 

Madécasse - não entrega no Brasil

Não o encontrei em importadoras brasileiras. Uma pena! Se você souber onde tem por aqui, me conta!

 

 

Para receber dicas do mundo dos chocolates, assine a NEWSLETTER CHOCÓLATRAS ONLINE!

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.